Investigando a Linguagem do Tratamento de Fertilidade: IIU Explicada

IIU

Existem muitos procedimentos diferentes para tratamento, se você precisar de ajuda para engravidar. A IIU, também conhecida como inseminação intrauterina ou inseminação artificial, é um dos procedimentos mais comuns utilizados hoje para tratamento de fertilidade.

Para que serve a IIU?

IIU é usada para tratar muitos diagnósticos de infertilidade diferentes, incluindo:

O que acontece durante um procedimento de IIU?

IIU pode ser feita com ou sem ovulação induzida por medicamentos. Se uma IIU for feita com medicamentos, em seguida, os ovários serão estimulados a produzirem uma pequena quantidade de óvulos maduros. Ao contrário da FIV (Fertilização In Vitro), onde os óvulos são removidos e então fertilizados, com uma IIU, a ênfase está na garantia de que existem apenas alguns óvulos que emergem. Há uma possibilidade de múltiplas gravidezes, quando é feita uma IIU e mais do que apenas alguns óvulos maduros emergem, então é preciso que haja monitoramento cuidadoso e consistente.

Quando os óvulos estão maduros, há um “gatilho” – uma medicação que estimula os folículos (fluído cheio de sacos que contêm os óvulos) para liberar os óvulos. Em seguida, o esperma é coletado, através de masturbação e dado ao laboratório do programa fertilidade para ser preparado. O esperma é cuidadosamente preparado e então introduzido dentro do útero, através do colo do útero, usando um pequeno cateter.

Muitos programas de fertilidade fazem duas inseminações em cada ciclo para maximizar a probabilidade dos espermatozoides atingirem os óvulos no momento ideal. Há poucos cuidados pós procedimentos que precisam ser feitos. As inseminações ocorrem normalmente sem dor significativa. Não há atividades específicas que você precisa evitar ou das quais precise tomar precauções. Apesar disso, a maioria dos programas de fertilidade desaconselham exercícios físicos muito agressivos.

Alguns procedimentos de fertilidade incluem medicamentos após a IIU para continuar a apoiar a implantação antecipada.

E depois há a espera.

Para obter mais informações sobre IIU, por favor contate-nos. Se você tem tentado engravidar há um ano, é hora de procurar ajuda.

 

Leia também:

5 MANEIRAS DE AUMENTAR SUAS CHANCES DE FICAR GRÁVIDA

nv-author-image

Dra. Juliana Amato

Líder da equipe de Reprodução Humana do Fertilidade.org Médica Colaboradora de Infertilidade e Reprodução Humana pela USP (Universidade de São Paulo). Pós-graduado Lato Sensu em “Infertilidade Conjugal e Reprodução Assistida” pela Faculdade Nossa Cidade e Projeto Alfa. Master em Infertilidade Conjugal e Reprodução Assistida pela Sociedade Paulista de Medicina Reprodutiva. Titulo de especialista pela FEBRASGO (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia) e APM (Associação Paulista de Medicina).