Congelamento de óvulos: contra o relógio

O congelamento de óvulos pode ser a solução para mulheres que querem engravidar mais tarde.
A idade é fator importantíssimo na saúde reprodutiva. Com o passar dos anos, a chance de engravidar diminui e o risco de infertilidade aumenta.

O congelamento de óvulos, a criopreservação, consiste em preservar óvulos em nitrogênio líquido, em temperaturas extremamente baixas, usando uma técnica de esfriamento, podendo ficar armazenado mantendo integridade por muitos anos. A técnica mais adequada é conhecida como Vitrificação. Pode-se realizar a criopreservação dos gametas (óvulos e espermatozóides) ou de embriões.

Mulheres que desejam postergar a gravidez para depois dos 35 anos ou pacientes com câncer que serão submetidas a tratamento químio ou radioterápico podem preservar seus óvulos para usá-los no futuro. Homens que realizarão vasectomia também podem armazenar seus espermatozóides, caso se arrependam do procedimento e desejem ser pais novamente. O mesmo pode ser realizado em homens que passarão por químio ou radioterapia, já que estes tratamentos podem afetar a produção de espermatozóides. Utilizamos o laboratório do Projeto ALFA que está preparado para realizar as mais modernas técnicas de criopreservação de gametas (óvulos e espermatozóides) e embriões. Todos os recipientes são rigorosamente controlados em uma sala especificamente projetada para este fim. Rigoroso controle de temperatura, filtragem de ar e manutenção do nitrogênio líquido atendem todas as recomendações dos órgãos reguladores.
LEIA TAMBÉM:  Criopreservação de óvulos e embriões
Autor: Dra. Juliana Amato Leia também:
LEIA TAMBÉM:  Embolização de miomas

Local do corpo:

Óvulos

Tipo de Procedimento:

Noninvasive

Status:

Bem definido
nv-author-image

Dra. Juliana Amato

Líder da equipe de Reprodução Humana do Fertilidade.org Médica Colaboradora de Infertilidade e Reprodução Humana pela USP (Universidade de São Paulo). Pós-graduado Lato Sensu em “Infertilidade Conjugal e Reprodução Assistida” pela Faculdade Nossa Cidade e Projeto Alfa. Master em Infertilidade Conjugal e Reprodução Assistida pela Sociedade Paulista de Medicina Reprodutiva. Titulo de especialista pela FEBRASGO (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia) e APM (Associação Paulista de Medicina).