Pular para o conteúdo

Será? Alguns estudos de genética demonstraram que pode sim, haver uma tendência familiar no desenvolvimento da endometr…

Será?

Alguns estudos de genética demonstraram que pode sim, haver uma tendência familiar no desenvolvimento da endometriose.

Porém, os estudos não são conclusivos e não houve a identificação de um gene específico relacionado à essa doença.

Por isso, independente do seu histórico familiar, mantenha as visitas regulares ao ginecologista e uma rotina saudável.

Sabia disso?

Compartilhe nos comentários!

Dra Juliana Amato | CRM 106072 RQE 64636
Ginecologista e Obstetra

#endometriose #ginecologistasp #hormonios #anticoncepcionais #grávida #saúde #diu #bemestar #laboratorio #santana #macapa #cuidados #saudeintima #exameslaboratoriais

nv-author-image

Dra. Juliana Amato

Líder da equipe de Reprodução Humana do Fertilidade.org Médica Colaboradora de Infertilidade e Reprodução Humana pela USP (Universidade de São Paulo). Pós-graduado Lato Sensu em “Infertilidade Conjugal e Reprodução Assistida” pela Faculdade Nossa Cidade e Projeto Alfa. Master em Infertilidade Conjugal e Reprodução Assistida pela Sociedade Paulista de Medicina Reprodutiva. Titulo de especialista pela FEBRASGO (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia) e APM (Associação Paulista de Medicina).

>
error: Alert: Content selection is disabled!!
× Como posso te ajudar? Available from 08:00 to 20:30 Available on SundayMondayTuesdayWednesdayThursdayFridaySaturday