Pular para o conteúdo

A rotura de membranas ovulares ocorre quando uma mulher está grávida a menos de 37 semanas e percebemos uma saída de líq…

A rotura de membranas ovulares ocorre quando uma mulher está grávida a menos de 37 semanas e percebemos uma saída de líquido amniótico pelo canal vaginal sem a presença de contrações uterinas!

Esta é um importante causa de partos prematuros, complicações infecciosas tanto da mãe quanto do bebê, hipoplasia pulmonar e de sequelas neurológicas fetais.

O diagnostico dessa condição é eminentemente clínico, ou seja, a própria avaliação do médico obstetra já é suficiente, apenas em alguns casos de dúvida pode-se realizar testes e exames de imagem.

A conduta diante de uma rotura de membranas ovulares depende principalmente da idade gestacional do bebê, sendo que em alguns casos a indução do parto pode ser uma escolha caso haja sofrimento fetal.
🤔 Tem alguma dúvida? Deixe uma mensagem e tire sua dúvida.⠀

🚨 Procure sempre o médico(a) de sua confiança.⠀

➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖⠀
PARA RECEBER DICAS E NOVIDADES BASTA MANDAR UM “EU QUERO” NO ZAP (11) 93318-3661

➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖

👩‍⚕ Dra. Juliana Amato CRM-SP 106.072

➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖

📞 (11) 5053-2222 ou 93318-3661

➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖

#sãopaulo #saopaulospbr #sãopaulospbrasil #saopaulosp #saopaulocity

#ginecologia #saudedamulher #ginecologista #hormonios #anticoncepcionais #saudefeminina #grávida #gravidez #prénatal #ciclosfemininos #consultamedica #saudeintima #esteticaintima #fertilidadefeminina #gineco #ginecologiaeobstetricia #cirurgiaginecologica #medicinareprodutiva #contracepção

>
× Como posso te ajudar? Available from 08:00 to 20:30 Available on SundayMondayTuesdayWednesdayThursdayFridaySaturday