Como usar o cetrotide

Medicamento para infertilidade

Transcrição automática – Cetrotide abrir o conteúdo no caixa e coloque-o sobre a mesa você vai ver o kit contém quatro peças de seringa carregada com o líquido uma ampola de pó e duas agulhas uma grande amarelo um para fazer a mistura e uma pequena ou cinza um que é para administração subcutânea administração remover a tampa do ampola com pó, em seguida, a tampa teria pregar são inge e aparafusar a grande agulha na seringa colocar o ampola de pó na mesa segurá-la com uma mão e com a outra introduzir a seringa no plano vertical posição para dentro do frasco, em seguida, deslocar o êmbolo até ao seu limite de modo que todo o líquido é absorvida que isto lentamente para evitar a formação de espuma não remover o agulha quando o líquido e em pó são bem misturados introduzir a agulha até final e absorver todo o líquido para dentro a seringa não deixar de ir ao êmbolo até ter removido a agulha o frasco de modo que o líquido não se retraia depois desenroscar a agulha amarelo e grande parafusar o pequeno em grande empurrar o êmbolo ligeiramente para purgar o agulha até uma pequena gota sai é tudo pronto para limpo administração a área abdominal com um algodão embebido em álcool beliscar a área que deseja aplicar o medicação com sua mão colocar o outro levar a seringa e comprimir a agulha a pele numa posição perpendicular espremer o êmbolo até que a extremidade em seguida remover a agulha suavemente e aplicar pressão por alguns segundos sobre o área tratada

LEIA TAMBÉM:  Investigando a Linguagem do Tratamento de Fertilidade: IIU Explicada
nv-author-image

Dra. Juliana Amato

Líder da equipe de Reprodução Humana do Fertilidade.org Médica Colaboradora de Infertilidade e Reprodução Humana pela USP (Universidade de São Paulo). Pós-graduado Lato Sensu em “Infertilidade Conjugal e Reprodução Assistida” pela Faculdade Nossa Cidade e Projeto Alfa. Master em Infertilidade Conjugal e Reprodução Assistida pela Sociedade Paulista de Medicina Reprodutiva. Titulo de especialista pela FEBRASGO (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia) e APM (Associação Paulista de Medicina).