Pular para o conteúdo

TESE (Biópsia do Testículo)

A tese (também conhecida como biópsia do testículo) é um procedimento cirúrgico realizado para obter uma amostra de tecido dos testículos para fins de diagnóstico. Ela é geralmente realizada quando há suspeita de doença testicular, como câncer, ou para avaliar a causa de infertilidade masculina.

O procedimento é realizado sob anestesia geral ou local e dura cerca de 30 minutos. O médico realiza uma pequena incisão na pele do escroto e remove uma amostra de tecido do testículo usando uma agulha especial. Em seguida, o tecido é enviado para o laboratório para ser examinado sob um microscópio.

A tese é um procedimento relativamente seguro, mas como qualquer cirurgia, pode haver alguns riscos associados, incluindo infecção, dor, inchaço e sangramento. O médico pode fornecer instruções específicas para cuidados pós-operatórios e possíveis efeitos colaterais.

O que você achou?

0 / 5 Resultado 0 Votos 0

Your page rank:

nv-author-image

Dra. Juliana Amato

Líder da equipe de Reprodução Humana do Fertilidade.org Médica Colaboradora de Infertilidade e Reprodução Humana pela USP (Universidade de São Paulo). Pós-graduado Lato Sensu em “Infertilidade Conjugal e Reprodução Assistida” pela Faculdade Nossa Cidade e Projeto Alfa. Master em Infertilidade Conjugal e Reprodução Assistida pela Sociedade Paulista de Medicina Reprodutiva. Titulo de especialista pela FEBRASGO (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia) e APM (Associação Paulista de Medicina).

>
error: Alert: Content selection is disabled!!