fbpx O ginecologista especialista em reprodução humana | Reprodução Humana e Fertilidade

Clínica de Fertilidade e Reprodução Humana. Tel: (11) 5053-2222 Av. Brasil 2283. São Paulo. e-mail

O ginecologista especialista em reprodução humana

Reprodução humana e reprodução assistida

O médico que atua na crescente área da reprodução humana percorre um caminho longo até a sua especialização. Sua formação inicia-se no curso de Medicina, que dura 6 anos, nos quais é estudado o homem sob a perspectiva biológica e humana. Esse curso tem por objetivo formar profissionais capacitados a promover o bem-estar biológico, psicológico e social de seus pacientes, por meio da prevenção e do tratamento de suas enfermidades. Após, o médico formado deve se submeter a um concurso de residência em Ginecologia-Obstetrícia, que permitirá, após mais três anos de formação, a ele tratar das patologias exclusivas da mulher, visando ao seu conforto físico e emocional. Além disso, essa especialidade também capacita o profissional a orientar mulheres durante a gravidez, promovendo a sua saúde e a do feto em formação.

 

O médico ginecologista, se for do seu interesse, ainda pode aprimorar sua formação com uma subespecialização em uma área mais específica dentro do contexto da saúde da mulher, como é o caso da mastologia, da sexologia, da medicina fetal, da endoscopia ginecológica e, é claro, da reprodução humana, entre outros. Para realizar a subespecialização em reprodução humana, que tem duração de um ano, o médico ginecologista deve, portanto, submeter-se a mais um concurso de residência médica. Dessa forma, após 10 anos de formação, o especialista em reprodução humana torna-se um profissional médico apto a manipular as técnicas de reprodução assistida, como a fertilização in vitro, ajudando centenas de casais a realizar o sonho de constituir uma família. Este profissional pode ainda, ser um médico urologista com a subespecialidade em reprodução humana.

 

Esse médico atua juntamente com profissionais de outras áreas, como o urologista, a psicologia, a enfermagem, a genética e a biologia, pois o atendimento prestado aos casais deve ser multidisciplinar, uma vez que a infertilidade é uma questão complexa e abrangente. Visto ser uma área tão especializada, um casal deve buscar esse tipo de atendimento quando está tentando engravidar há pelo menos um ano, sem obter sucesso, o que lhes coloca na condição de casal infértil. A avaliação médica irá investigar a causa da provável infertilidade e oferecer as melhores opções de tratamento disponíveis atualmente. Uma outra abordagem seria a busca do aconselhamento, isto é, procurar um médico especialista em reprodução humana com o intuito de obter orientações sobre como promover a sua fertilidade e a de seu parceiro.

 

Seja como for, esta moderna área da Medicina está em constante crescimento e os profissionais precisam sempre se manter atualizados com as novas descobertas científicas para promoverem o melhor atendimento possível. É imprescindível buscar um serviço em que se confie e que tenha profissionais verdadeiramente habilitados para lidar com essa delicada e complexa função de auxilar um homem e uma mulher a se tornarem pai e mãe.

O que você achou deste conteúdo?: 
0
No votes yet

Dra. Juliana Amato: Especialista em Reprodução Humana

Dra. Juliana Amato
Ginecologista, Obstetra. Chefe da Reprodução Humana do Instituto Amato
Tratamento de Infertilidade em Laboratório de Reprodução Humana(11) 5053-2222
Tudo sobre tratamento da infertilidade. Ajuda para Engravidar.
www.fertilidade.org
Clínica de Reprodução Humana: Ajuda para engravidarAv Brasil, 2283, São Paulo, SP
FacebookTwitterYoutubeLinkedin